Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Rato Preto

O chamado rato preto (Rattus rattus) nem sempre é preto. Sua pelagem pode ser mais clara, tendendo ao grafite, ao cinza ou até mesmo ao marrom escuro. Recebe vários nomes regionais em nosso país, como rato de telhado, rato de forro, rato de paiol, etc. Forte e ágil, o macho adulto chega a pesar cerca de 200 g.

Não sendo roedor fossorial (não gosta de escavar tocas e túneis), apresenta marcada preferência por habitar locais longe do solo, fazendo seus ninhos nas estruturas de sustentação dos telhados e nos forros das residências, sempre que possível. Se não for possivel, busca ocos e espaços junto às estruturas e paredes. Sua vida dura em torno de 1,5 anos e é bastante prolifero (cerca de 8 ninhadas por ano). Tem nos gatos, naturalmente, e nas ratazanas, seus maiores inimigos. Desenvolveu aguçado senso de equilíbrio, o que lhe permite andar e correr por traves e vigas dos telhados e mesmo por fios elétricos.

De hábitos noturnos, desce ao solo em busca de alimento, água e acasalamento. Passa cerca de 40% de seu tempo acordado, dedicado à tarefa de limpeza de seu pelame por meio de vigorosas lambeduras. Machos e fêmeas acasalam livremente, não havendo formação de pares.

Camundongo

Com o nome científico de Mus muscu/us, o pequeno camundongo recebe vários nomes regionais em nosso país, como catita, ratinho, ratinho de gaveta, rato de botica, muricha, etc. Está entre os menores roedores do planeta – o macho adulto pesa cerca de 15 g. Cosmopolita, o camundongo representa a espécie de roedor que mais se aproximou e vive em estreito contato com a espécie humana. Seus mais poderosos inimigos são os gatos, naturalmente, os ratos, os cães e o próprio Homem. Animal nervoso, quase não pára em suas andanças e percorre seu território várias.

vezes por noite em busca de alimento, para acasalar e, os machos, na defesa contra outros machos.Tem poucas necessidades hídricas, pois retira a água que necessita do próprio alimento que ingere.

Seu território mede cerca de três metros de raio; ali nasce, vive e morre, a menos que entre em alguma caixa ou outro recipiente e seja transportados para outros locais, onde estabelecerá novos territórios. O macho procura formar um harém com várias fêmeas e sua proles são numerosas. Vive cerca de um ano e sua maturidade sexual é atingida pouco mais de um mês depois de seu nascimento. É cauteloso, mas apresenta o fenômeno da neofilia (amigo de coisas novas).

Essa incontida curiosidade natural permite que controlemos pequenas infestações de camundongos com o simples uso de armadilhas ou ratoeiras. É onívoro (ingere qualquer tipo de alimento), mas demonstra clara preferência por grãos integrais de cereais. Não sendo fossorial (prefere não escavar tocas e túneis), faz seus ninhos em gavetas, no interior de armários ou em qualquer desvão que o proteja adequadamente.

Ratazana

A ratazana (Rattus norvegicus) é a maior das espécies de roedores comensais. É forte e agressiva e o macho adulto chega a pesar, sob circunstâncias favoráveis, até 500 g. Recebe nomes regionais como gabirú ou guabirú, rato pardo, rato de esgoto, etc. É fossorial (escava tocas e túneis) e habita, nas cidades, preferencialmente as redes públicas de esgoto ou outras galerias subterrâneas. Raramente habita o interior de residências, onde só entra para obter alimentos. Sua vida em liberdade pode chegar a dois anos, o que raramente acontece devido a doenças, ferimentos mortais, ação de seus inimigos naturais (gatos, cães e o próprio Homem), canibalismo, etc. Estabelece territórios grandes (cerca de 50 metros de raio), que defende ferozmente contra invasões de outras ratazanas que não pertençam à sua família. As colônias podem ser extremamente numerosas se houver alimento farto disponível.

É neófobo (desconfia de qualquer objeto novo que surja em seu território) o que dificulta seu controle através de armadilhas ou ratoeiras. Muito prolifero (cerca de oito gestações por ano), pratica o canibalismo como forma de controle populacional, se houver necessidade. Como os demais roedores sinantrópicos, tem hábitos noturnos. Ratazanas vistas à luz do dia, pode ser indicativo de altíssimas infestações.

Onívoro (ingere qualquer tipo de alimento) demonstra preferência por grãos de cereais integrais, mas pode ser atraído por diferentes tipos de iscas.

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.